Familiayud's Weblog

Início » Uncategorized » Alegria em cada rosto, em cada olhar

Alegria em cada rosto, em cada olhar

julho 2015
D S T Q Q S S
« jun   ago »
 1234
567891011
12131415161718
19202122232425
262728293031  

Família Yud: Isaias, Queia e Mateus Yud

Servindo a Deus na Amazônia Peruana – Julho (1) 2015

“Aqueles que saíram chorando, levando a semente para semear, voltarão cantando, cheios de alegria, trazendo nos braços os feixes da colheita.” Salmos 126:6

Pucallpa, Ucayali, Peru, Julho (1) de 2015.

Queridos amigos,

Queridos companheiros de oração e ação,

Com muita alegria escrevemos para contar algumas noticias.

Muito obrigado por fazerem parte das nossas vidas, muito obrigado pelas orações, obrigado pelas ofertas, Deus os recompense.

Juntos para estender o reino de Deus na terra.

Deus os abençoe e os recompense.

Abraços com muito carinho, Isaias, Queia e Mateus Yud – Família Yud

Já, já, logo, logo:

– Exames bimestrais do Mateus no colégio, de 8 a 13 de julho. Por favor, oremos por Ele.

– 10 de julho, Queia comemora 45 anos. Aniversário da Queia. Agradeça a Deus pela vida dela.

– Gravação do Novo Testamento na Língua Huitoto (Murui), para os proclamadores. Neste momento estão gravando aqui em Pucallpa. Por favor, oremos pelos leitores, pela saúde dos leitores, pelo pessoal da gravação etc.

– Ferias familiar de 18 a 31 de julho. Precisamos da guia e do sustento de Deus. Por favor, oremos por isso. Oremos pela provisão de Deus para esta viagem.

– Viagem a tribo Bora, e Huitoto, 7 ao 15 de agosto. Por favor, oremos por esta viagem. Oremos por Queia e Mateus que ficam em Pucallpa.

– Viagem a Colômbia para visitar ao missionário Huitoto. Nilson e Mery. Para animar, ajudar em algumas coisas praticas, conhecer este campo, etc. De 15 a 30 de agosto. Por favor, oremos por esta viagem. Oremos por Queia e Mateus que ficam em Pucallpa. Oremos pela provisão de Deus para esta viagem.

– Gravação do filme Jesus na língua Huitoto (Murui).

Viagem a Tayabamba:

O convite veio a alguns meses atrás, depois disso foi preparação espiritual, emocional, física, materiais, etc.

Localização:

Tayabamba fica no estado de La Libertad. Serra do Peru, clima frio.

Lugar muito bonito, é um vale entre as montanhas. Paisagem maravilhosa.

Não tínhamos sinal de celular, nem internet. Para poder falar por telefone tínhamos que subir em uma montanha, mais ou menos 20 minutos.

Viagem:

Saímos de Pucallpa, estado de Ucayali com lotação até a cidade de Tocache, estado de San Martin. 7 horas de viagem.

Depois da cansativa espera, fomos de camionete até Tayabamba. 18 horas de viagem.

Saímos do estado de Ucayali, passamos pelos estados de; – San Martin – Huánuco –Ancash – Chegando ao estado de La Libertad.

A viagem de ida foi um pouco mais difícil. Mais que tudo de Tocache a Tayabamba. Começou com a espera em Tocache. Foram mais de 6 horas na rua. Quando estava na agencia esperando a camionete, chegou uma mais ou menos nova e fiquei alegre pensando que viajaria nesta. Depois chegou uma muito mais velha e o motorista estava com uma cara de quem não dormiu, cara de sono, olhos vermelhos. Quando vi este motorista pensei espero que não tenha que viajar com esta, mas infelizmente foi esta camionete com este motorista. Comecei a orar todo o tempo.

O bom foi que os irmãos de Tayabamba comprarão dois lugares. Porque vão dois ao lado do motorista e outros quatro no banco traseiro, outros na carroceria atrás. Não sei como tinha sido se não tivesse dois lugares, tinha sido muito mais difícil. A viagem é toda a noite.

Começou a aventura. Começa a oração e o jejum. Alegria nos primeiros metros e quilômetros com o asfalto. Pó e buracos nos muitos outros quilômetros. O motorista estava cansado, não tinha dormido, por isso parava em cada um dos povos e dormia (cochilava) com as luzes acessas.

Começaram os problemas: – 22.30 horas. Furou o primeiro pneu. Trocamos a roda e colocamos o estepe, sem problemas. – 2 da madrugada, em uma curva saiu a roda de trás da camionete e ficamos no meio da estrada. Fomos procurar a roda e encontramos em um dos barrancos ao lado da estrada. Tentamos colocar a roda e vimos que tinha quebrado todos os parafusos dentro da roda. Não era somente as porcas. Era necessário trazer um mecânico, parafusos e porcas novas. Era de madrugada, escuro, muito frio, no meio da estrada. Tentamos dormir dentro da camionete até que amanhecerá. As 6 da manha o motorista foi procurar um mecânico. Voltou as 10 horas e logo trocaram os parafusos e colocaram a roda no lugar. Nestes lugares não tinha sinal para fazer ligações telefônicas e não tínhamos como avisar o que estava acontecendo e que iriamos demorar. Demorar! Não sabia o que vinha pela frente e quão longe estávamos do nosso destino. Continuamos a viagem, descendo uns passageiros, subindo outros. Subindo as montanhas e logo descendo. Mais ou menos da 2 da tarde, escutamos um barulho no motor e Isaias falou para o motorista é a hélice do radiador, desliga o motor. Fomos para ver e tinha quebrado o suporte do recipiente do fluido do freio e tinha caído na hélice do radiador. O bom foi que desligou o motor rápido e ainda tinha a metade da hélice. Tratamos de amarrar o recipiente do fluido e continuamos a viagem.

Era para chegar as 6 da manha em Tayabamba e chegamos as 5 da tarde.

Depois ficamos sabendo que todos estavam preocupados. O compadre nem conseguiu pregar, nem comer, a afilhada chorando, e todos os irmãos pensavam que tinha tido algum acidente devido ao perigo das estradas naquele lugar e os constantes acidentes.

Graças a Deus a volta foi melhor. Somente furou 2 pneus e já não tinha outro estepe. Tivemos que emprestar um estepe de outra camionete. Saímos de Tayabamba as 5 da manha e chegamos a Pucallpa a 1 da manha do dia seguinte.

Obrigado Senhor pela proteção, pelo seu cuidado. Obrigado Senhor pelos meios de transporte. Obrigado Senhor por estes amados e queridos irmãos que compraram dois lugares e assim fizeram a viagem mais confortável.

As pessoas, o povo de Deus:

Que gente maravilhosa, amável, querida mesmo. Atentos, preocupados em dar o melhor. Gente que teme a Deus que procura andar com Deus. Fizeram de tudo para que a nossa estadia fosse agradável e confortável. Rápido trouxeram roupa para o frio, como: – ponche – cachecol – gorra que cobre as orelhas. Como moramos na selva, quente e úmida com mais de 30 graus, sentimos rápido e frio e sofremos. Sempre atentos com a comida, preocupados que Isaias comia ou não uma ou outra coisa. Graças a Deus que Ele nos capacita e ajuda para comer de tudo, sem problemas. Tinha bastante comida, foi muito bem preparado o curso pelos irmãos, mataram até uma vaca. No final as cozinheiras falaram que queriam fazer um carinho e me deram seis porquinhos da índia, cozidos e preparados para levar para a família em Pucallpa. Outros irmãos deram uma caixa cheia de diferentes tipos de batata. Pudemos compartilhar com os nossos vizinhos e ainda aproveitar por dois dias desta comida.

Fomos muito bem hospedados na casa de um irmão. Em um quarto bonito.

Também deram uma oferta em dinheiro, e pagaram todas as passagens.

De presente deram uma pedra da mina de minerais, com ouro, prata e outros minerais. Bonita lembrança.

Foi muito bom estar com estes irmãos, simples, de poucos recursos econômicos, pobres, mas com um coração generoso, um coração amoroso. Isaias ficou apaixonado pelas pessoas dali.

Estamos acostumados na selva, onde as pessoas nos pedem de tudo, Bíblia, hinário, remédios, motor, violão, dinheiro, etc., a agora foi como uma agua refrescante estar neste lugar onde ninguém pediu nada ao contrario todos trouxeram alguma coisa, o melhor que tinham e fizeram com alegria.

Pai, te peco que recompense a estes irmãos e de muito mais do que deram, trilhões de vezes mais.

O curso:

O curso que pediram para ensinar é: Igreja Local e Missões. Duração de uma semana.

Todo foi organizado pela Igreja Alianza Cristiana y Misionera, pelo CDR Pataz, que é composta por 23 igrejas. O curso foi realizado na cidade de Chaquicocha, a quase uma hora de Tayabamba.

Nas tardes e noites o compadre Guillermo Arevalo ensinou o curso de Efésios Muito bom.

No primeiro dia tinha como vinte alunos, depois foram chegando mais e terminamos com mais de trinta. Tivemos alunos de varias cidadezinhas.

O curso foi teórico e pratico. Aprendemos um tema e colocamos em pratica. 1. Assim oramos juntos todos os dias pela salvação dos que estão perdidos, sem Cristo, povos, países, etnias, missões e missionários. Oramos especificamente pelo Nilson, Mery e Elvis Eduardo, que são nossos irmãos Huitoto, Murui, do Peru, plantando a primeira Igreja Evangélica entre os Huitoto de Colômbia. Trabalho pioneiro e muito difícil pelas muitas crenças, bruxaria, espiritismo e todo o mundo espiritual que cerca aquele lugar e esta profundamente enraizada por muitos anos na mente das pessoas. Como diz Efésios dois, estão mortos nos seus pecados, escravos do pecado. 2. No dia que falamos de evangelismo, de ir, indo, havendo ido, preparamos folhetos, separamos os irmãos em duplas, e saímos com um bom grupo para compartilhar o evangelho com as pessoas nas suas casas. Outro grupo ficou no templo orando. Os irmãos daquele povo foram os nossos guias. Foi muito bom. Isaias foi com um irmão em uma das casas em frente do templo. Tremenda luta espiritual, mas o Evangelho de Salvação, de Esperança, foi compartilhado com uma mulher e a sua filha. Foi maravilhoso. Na volta, olhamos nos olhos, no rosto dos irmãos e todos tinham uma cara, um olhar de alegria, de gozo, de contentamento, é como se estivessem dizendo; – funciona, evangelizar funciona. Que bom. O melhor que podemos fazer na nossa vida aqui na terra, na nossa breve existência, é compartilhar o Evangelho de Jesus. Mais uma vez pudemos ver que a Palavra de Deus é verdadeira quando diz;Que aqueles que semeiam chorando façam a colheita com alegria! ” Salmos 126:5. Nesta mesma noite, no culto, vieram alguns que fizeram uma decisão por Cristo. Obrigado Senhor, por estas vidas, por produzir arrependimento nelas, ajuda-lhes a que te sigam todos os dias das suas vidas, sem desanimar, sem voltar atrás, sem cair. 3. Depois vinha outro tema, que não é tão fácil na Igreja, mais que é Bíblico, não somente é, senão que tem centenas de passagens que falam disso. As ofertas, o dar. Especificamente ofertar para as missões, para a obra de Deus, para estender o Reino de Deus aqui na terra. Os irmãos decidiram colocar em pratica e fizeram uma oferta de amor para o Nilson e família. Ótima iniciativa, vindo deles, sem pedir, sem forçar. Mais uma vez vemos que a atitude de dar não é uma questão de bolso, de conta bancaria, de ter de sobra, mas sim uma atitude de coração, de coração entregue a Deus, rendido a Deus. Os irmãos são de poucos recurso, não são ricos, não tem muito, mais do pouco que tem aprenderam a dar e entenderam que tudo é de Deus.

Também escreveram cartar para o Nilson e família, mesmo com todas as limitações que muitos tem para escrever.

“ Deves ir ou enviar um substituto ” Oswald Smith

Obrigado Senhor, por estes irmãos. Que eles continuem praticando a tua Palavra, Orando, Compartilhando o Evangelho, Dando os recursos o tempo, etc., para ti. Que a tua Palavra não volte sem produzir muitos frutos nas vidas. Obrigado Senhor por proteger a família, por chegar bem em casa e aproveitar da comunhão familiar.

Estamos pensando em ensinar um curso de Evangelismo Pessoal, terminando com uma Campanha Evangelística. Estamos orando para que Deus torne possível.

Estamos oferecendo:

Estamos oferecendo o que Deus tem colocado no nosso coração. Queremos repartir as experiências, o conhecimento e tudo o que Deus nos permitiu viver com Ele e para Ele.

1. Palestras, pregações, conferencias, seminários, cursos de evangelismo, de motivação e ação em Missões. Como envolver a Igreja Local em Missões, com teoria e pratica. Como ser uma Igreja missionária.

2. Treinamento para secretaria de missões das Igrejas, conselho de missões, departamento de missões.

3. Aconselhamento e assessoramento a novos missionários, nas áreas espirituais, culturais, sociais, etc.

Escreva para consultar datas disponíveis, e todos os detalhes, etc.

Nossa visão:

1.Que o Evangelho de Jesus Cristo, que traz: esperança, perdão, reconciliação, salvação, vida eterna, mudança de vida, seja pregado a todas as pessoas.

2.Que os filhos de Deus sejam discipulados, acompanhados. Que cresçam na fe. Que sejam fieis servos de Deus.

3.Que a Igreja Evangélica Nacional, no Peru, seja uma Igreja missionária. Que ora por missões, que faz missões aonde esta, e aonde for, que sustenta os missionários, que pastoreia dos missionários.

Pedidos de oração:

1. Pelos pedidos mencionados anteriormente.

2. Que mais pessoas conheçam a Jesus hoje, como Senhor e Salvador. Que haja arrependimento e recebam o presente da salvação em Jesus.

3. Pelo nosso futuro, desejamos saber e entender o que Deus deseja de nos para o futuro. Para 2016. Continuamos servindo a Deus no Peru? Voltaremos ao Brasil para servir a Deus? Precisamos de uma resposta de Deus.

4. Oremos pelos Huitoto da Colômbia. Deus os guie, proteja, salve. Que Deus salve os indígenas da Colômbia e de todo o mundo. Pelos missionários Nilson e Mery que estão servindo a Deus lá. Que Deus os guie na plantação de uma igreja. Oremos por animo, valor, perseverança. Eles estão sozinhos, não tem outro crente e nem outro líder para ajuda-los e anima-los. Para que o Espirito Santo convença as pessoas e produza mudanças nas vidas. Pelo filho deles o Elvis Eduardo que esta na cidade e distante de Deus.

5. Pelos novos crentes Huitoto na Colômbia. São duas famílias. Oremos pelo discipulado deles.

6. Pelo Adelmo, e família, Bora, que estão estudando no Seminário Teológico na cidade de Huánuco. Saúde dos filhos, estudos, proteção de Deus, sabedoria. Etc.

7. Pelas pessoas que estamos discipulando aqui em Pucallpa.

8. Doente Bora, com câncer: – Vida espiritual da Raquel, do esposo, da filha Kelly e de todos os filhos, genros, noras, netos, etc. – Saúde espiritual, física, emocional.

Como posso fazer parte do Ministério no Peru ?

Deus nos deu a oportunidade de amar e servir a Ele. Entregando nossas vidas, nosso tempo, os dons, talentos para Ele. Por meio das missões. Se você quer se unir a nos pode fazer das seguintes formas:

1. Comprometendo-se a orar por nos. Isso é o primeiro, o mais importante, a base de tudo. Orar é participar. Somos Dependentes de Deus e das suas orações. Orando.

2. Pode ofertar para o nosso sustento: – Mensalmente – Esporadicamente – Para um projeto especifico. Isso é repartir o que Deus te da, entendendo que tudo é de Deus. Dando: – Ofertando – Sustentando – Dando com um coração alegre. – Dar é uma atitude de coração e não de bolso.

3. Pode vir e se unir a esta aventura. Você ou o seu grupo serão bem vindos. Indo: – viajes de curto prazo – projetos de saúde – doando as tuas férias para missões – etc. – Biblicamente todos devemos fazer discípulos aonde Deus nos colocou. – Alguns deixam tudo e vão como nos e outros, mas Deus quer que todos façam discípulos na escola, no trabalho, na casa, na vizinhança, ou seja, em todos os lugares. Missoes é uma sociedade, igreja e missionários, missionários e igreja.

Se fora a oração você quer participar conosco, veja como em:

https://familiayud.wordpress.com/participe-conosco-brasil/

   isaias.mateus.yud

   cleiayud

Isaias Mateus Yud

 

“Aqueles que saíram chorando, levando a semente para semear, voltarão cantando, cheios de alegria, trazendo nos braços os feixes da colheita.” Salmos 126:6

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: