Familiayud's Weblog

Início » Uncategorized » Comentario dos alunos

Comentario dos alunos

julho 2011
D S T Q Q S S
« jun   ago »
 12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930
31  

Família Yud : Isaias, Queia e Mateus Yud

Servindo a Deus com índios no Peru – Julho 2011

Huánuco, Perú, 29 de Junho de 2011.

Os alunos do curso de Antropologia e Missão Transcultural da FATEM (faculdade de Teologia e Ministério), STIEP (seminário Teológico – Igreja Evangélica Peruana), Huánuco em 2011. Eles escreveram:

O que você aprendeu do curso ?

  • É a primeira vez durante os meus estudos aqui neste lugar (seminário) que um curso chegou ao meu coração.
  • De verdade me ajudou a reflexionar sobre o meu chamamento e o meu estilo de vida; já não penso igual vendo a necessidade que existe no mundo, o que precisa  ser feito, meus planos mudaram, e quero ser missionária em algum lugar do Peru o em outra parte do mundo.
  • Aprendi a orar pelas missões e missionários, por meus amigos e familiares que ainda não conhecem a Cristo.
  • Este curso marcou o meu ministério e agradeço a Deus por isso e também a você por nos ensinar de maneira pratica este curso e pelo que você vive, não é somente teoria é a realidade.
  • Obrigado Deus e irmão Isaias Yud.

Comentário:

  • A minha sugestão é que aonde seja que a I.E.P. te convide para pregar fale de missões que a igreja nacional deve fazer.
  • Você é uma pessoa que fala do que vive e isso é mais penetrante que somente as suas palavras.
  • Continue em frente irmão.
  • Sim precisamos acordar do sono espiritual e deixar toda a preguiça.
  • Você ama o Peru sem ser originalmente daqui e isso é o que admiro, eu nem sequer sou capaz de amar a minha própria pátria, mas aprendi nestas semanas.
  • Sempre que seja possível nos ensine.
  • Que Deus te guie, cuide e abençoe.
  • Orarei por vocês . . . (aluno 1).

O que você aprendeu do curso ?

  • Deus confirmou o meu chamado.
  • Conheci sobre as culturas.
  • Devo estar disposto a ir aonde Deus quer que eu vá.
  • Os testemunhos e as biografias dos missionários me ensinaram a ver a realidade e as necessidades dos campos.
  • Aprendi a orar pelos missionários
  • Através dos vídeos conheci a realidade de alguns paises.
  • Através das bandeiras aprendi a orar pelos diferentes países
  • Obrigado por este curso.
  • Que Deus o abençoe no seu ministério.

Comentário:

  • Gostei da forma de ensinar e também dos materiais que utiliza . . . (aluno 2).

O que você aprendeu do curso ?

  • A importância de missões no plano de Deus já que sem missões ainda estaríamos perdidos, condenados e sem esperança.
  • A missão implica: entrega total, sacrifício, obediência, paixão pelas almas perdidas.
  • Aprendi também que a oração é indispensável, tanto pelo campo que desejamos alcançar com o evangelho, como também pela pessoa que irá a este campo.
  • É bom conhecer a cultura do lugar   já que ela nos ajudará a entender a melhor forma possível de apresentar a mensagem de salvação.
  • Não é bom querer converter a todas as pessoas.

Comentário:

  •  Agradeço a Deus por me permitir estudar este curso porque me leva a pensar o que realmente estamos fazendo pelos perdidos. E se não fazemos nada, precisamos pedir perdão a Deus, e começar a realizar completamente a nossa missão, a qual é compartir o evangelho de uma forma consciente. . . (aluno 3).

O que você aprendeu do curso ?

  • Ter paixão pelas almas perdidas.
  • Anunciar a Palavra de Deus, custe o que custar, enquanto sou jovem, e dar a Deus toda a minha vida.
  • Orar pelas missões, pelos missionários que levam a palavra de Deus a outra cultura. Transcultural, também a dar para as missões.
  • Motivar as igrejas para uma visão missionária, enviar missionários a lugares aonde não chegou a palavra de Deus, ajudando economicamente e espiritualmente.
  • Aprendi também a estar preparado e disposto para levar a sua palavra porque a resposta da minha oração pode ser eu mesmo.

Comentário:

  • Obrigado por este curso, estas semanas, foram de muita ajuda na minha vida espiritual e ministerial, porque me fez ver as necessidades deste mundo e que tem muita coisa para ser feita.
  • Deus te abençoe de . . .  (aluno 4).

    Alunos com as bandeiras e Isaias com roupa Huitoto

O que você aprendeu do curso ?

  • Quando Deus nos chama para servir devemos obedecer. É necessário entrega e disposição para fazer a obra de Deus.
  • É preciso incentivar, motivar, os irmãos da igreja com pregações sobre missões para que exista um despertar missionário nas igrejas.
  • No Curso de Antropologia e Missões aprendi que devo levar a mensagem de salvação aos povos, nações, tribos que ainda não conhecem a Cristo: – Quando uma pessoa faz missões o primeiro que precisa pensar é na sua cultura, aprender seu idioma, ser amigável com as pessoas e buscar a porta que Deus deixou aberta para a evangelização e para a entrada do evangelho nesta cultura. – este trabalho não é tão fácil, não é da noite para a manha, precisa de tempo, pelo menos de 5 anos.
  • Precisamos orar por todas as pessoas, ter uma lista de oração e estar em contacto com as igrejas enviando cartas, informes do trabalho que esta sendo realizado, etc.
  • Fazer missões não é somente compartilhar da Palavra do Senhor, mas também é pensar e fazer a obra social.

Comentário:

  • Obrigado por este curso, nas minhas pregações sempre estarei motivando aos irmãos da igreja a estar envolvidos em  missões.
  • Que Deus o abençoe grandemente no seu ministério . . . (aluno 5).

O que você aprendeu do curso ?

  • A importância da missão de Deus, que deve ser a prioridade em cada Igreja porque é o único mandamento que Cristo deixou para a Igreja e também Deus quer que todos os homens sejam salvos.
  • Sobre a missão transcultural – Cada povo (etnia) tem a sua própria cultura e o missionário para trabalhar em uma cultura primeiro deve investigar a cultura, seu idioma, costumes, musica, vestuário, comida e depois deve identificar-se com as pessoas, desta maneira descobrira uma porta para comunicar o evangelho de Cristo com mais eficácia.
  • Sobre as biografias dos heróis missionários de Deus, dos quais os seus ministérios são desafiantes, por exemplo: – a paixão pelos perdidos do pai de Steve, o amor, o perdão e a entrega de Steve; – da fé de Müller, etc.
  • Aprendi também um processo sistemático de aprender um idioma e conhecer a vida cultural de um povo desconhecido.
  • Aprendi que a prioridade nas minhas orações deve ser missões e missionários.

Comentário:

  • Depois de ter estudado o curso de Antropologia e Missões, Deus me deu muitos desafios, tais como: – orar – ensinar na Igreja sobre as missões como trabalho principal da Igreja  – motivar aos irmãos a exportar missionários – abrir uma cadeia (corrente) de oração por missões.
  • É um curso de muita importância e realmente nestes tempos necessitamos homens como você e outros missionários que ensinam com autoridade e vida pratica sobre a missão de evangelizar o mundo.
  • Vá em frente professor que o Senhor sempre estará com você e com a sua família segundo a sua infinidade de promessas para os seus servos . . . (aluno 6).

O que você aprendeu do curso ?

  • No decorrer das ultimas semanas aprendi muitas coisas como:
  • Minha responsabilidade para com as missões, orar e dar.
  • Aprendi que as missões não faziam parte de mim porque não era parte da minha vida devocional.
  • Aprendi que qualquer lugar é bom para fazer missões, quando viajo, quando vou comer, quando saio para passear, etc.
  • Aprendi que sempre devo estar preparado com folhetos ou outros materiais para compartilhar o evangelho.
  • Aprendi que se não me interesso por missões é como se não faço nada.
  • Aprendi que sou responsável por um despertar de missões, e por este motivo devo pregar de missões.
  • Bom, também aprendi muitas coisas mais: como encontrar a diferença entre cultura e doutrina; que em missões devemos ser pacientes, etc.
  • Vou bem contente pelo curso porque foi de benção para a minha vida.

Comentário:

  • Agora ao terminar o curso somente quero dizer obrigado, não somente por me ensinar senão também pela sua amizade, que nosso Deus encha de bênçãos a você e a toda a família.
  • Ninguém te poderá fazer frente todos os dias da sua vida, assim como estive com Moises estarei contigo, não te deixarei nem te desampararei Isaias Yud, Josué 1:5.
  • Deus te guarde, teu irmão e amigo . . . (aluno 7).

O que você aprendeu do curso ?

  • Missões é rápido e pratico.
  • O chamado continua com obediência ou desobediência, muitas vezes sofrimento.
  • Tem 3 tipos de missões; – Todos, Muitos, Alguns.
  • Se não temos missões na nossa devocional, também não vamos ter na igreja.
  • Se vamos a outros pais precisamos observar, perguntar sobre a cultura. Antes de evangelizar tem que viver para aprender o idioma. Os exemplos corretos do evangelho.
  • Tem 2 tipos de culturas: de Clima Quente e de Clima Frio.
  • Tem muitas etnias aonde o evangelho ainda não chegou.
  • Falta a tradução da Bíblia para mais de 3.000 idiomas.
  • É importante adaptar-se a outra cultura e deixar a nossa para fazer missões. As culturas somente são diferentes nem melhor e nem pior.
  • A Cebola como exemplo de cultura, cada capa é parte de uma cultura.
  • Cultura é tudo o que esta dentro da minha cabeça.
  • A pirâmide de Maslow – as Igrejas precisam entender que é necessário fazer serviço social (obra social).
  • Todos somos frutos de missões – temos que dar muita importância para missões.

Comentário:

  • Eu gostei muito do curso.
  • Esta paixão que você tem por Cristo e pelas almas perdidas me deixaram com o desejo de viver mais por Jesus.
  • Também é bom que ensina com frases para demonstrar o que ensina, exemplos: matrimonio, apresentações em power point, vida espiritual, etc. . . . (aluno 8).

O que você aprendeu do curso ?

  • Aprendi a estimar mais o trabalho dos estrangeiros que vivem no Peru como missionários; estão em lugares aonde eu como pessoa nem conheço. Jesus me de a oportunidade de fazer alguma coisa mais por eles.
  • Aprendi a valorar outras culturas e não impor a minha.
  • Aprendi a ser dinâmico e objetivo nas aulas, estes detalhes das bandeiras, as penas na cabeça do meu professor, as biografias missionárias, acima de tudo todo o carisma do professor, é necessário ensinar assim nas nossas igrejas.
  • Aprendi a pensar nas necessidades das outras pessoas, prover para que estejam bem. Não somente orar por elas.
  • Muito obrigado,  . . . (aluno 9). 

Vea las fotos en:  http://familiayud.mifotoblog.com

Galeria:   Curso Antropologia y Misiones Huanuco 06.2011

Anúncios

2 Comentários

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: